Editoria: Helio Fernandes. Subeditoria: Roberto Monteiro Pinho

terça-feira, 16 de maio de 2017

O TSE E TEMER

HELIO FERNANDES

Depois de 27 meses, ainda continua nas manchetes o pedido de cassação
da chapa Dilma - Temer. Em janeiro de 2015 derrotado, Aécio Neves pediu
a cassação  da chapa. Foi mais, queria ser empossado.

Isso o TSE não podia fazer. Mesmo durante esses 27 meses ter a
infelicidade de ser presidido 15 meses por Toffoli e outros 12 por Gilmar,
que assumiu em maio de 2016.Nesses 27 meses aconteceu de tudo
e continua acontecendo.

Desde que assumiu, Gilmar, sem constrangimento, manteve e mantém um
relacionamento indecente com Temer. O julgador e o RÉU, numa
promiscuidade vergonhosa.Primeiro prorrogando a tramitação, até chegar
o final do mandato de 2 ministros. Que foram substituídos pelo próprio
Temer. A tática então seria esta: pedido de vista, indefinido.

GILMAR DEIXA A DECISÃO COM O REU

Foi viajar, (chega amanhã) mas disse para o indireto: "Você tem duas
soluções para escolher. Ir prorrogando até o final do meu mandato, em
maio de 2018".Temer gostou, mas vinha o melhor.E completou:" A chapa
ser cassada, você deixa o cargo,mas não fica INELEGÍVEL. Podendo
disputar a própria sucessão, se lhe interessar". Isso é o que circula
pelo TSE,sem  estarrecer a maioria.

O relator Herman Benjamin entregou ontem seu admirável trabalho,
pedindo a cassação, sem privilegio. E afirmou: "O julgamento acontecerá
IMEDIATAMENTE". Ele sabe que a ultima palavra para colocar o processo na
pauta, caberá a Gilmar Mendes. E presidente do TSE vai esperar a
escolha do próprio RÉU. O que estou contando é quase inacreditável,
mas rigorosamente verdadeiro.

DILMA ATINGIDA MORTALMENTE
 
O depoimento do casal de marqueteiros, é vergonhoso, miserável, mas
destruiu o presente e o futuro da ex-presidente. Não ha possibilidade
de ser mentiroso. Pelo excesso de detalhes e de provas. E pelo acordo
rápido e generoso, que receberam como recompensa pela delação. Ninguém
duvida disso.
 
Destruíram o que ela gostava de projetar, como personagem
inatingível. Tudo isso desapareceu. E todos estão contra ela. No TSE,
Temer sairá imune e impune. Ela perderá os direitos políticos  por 8
anos.Parecia ter sido salva por Lewandowski. Está sendo apanhada, num
ponto fora da curva. Irremediavelmente.
 
 
EDUARDO CUNHA DESESPERADO
 
Agora não é pela própria situação, e sim pelo risco que corre sua
mulher. O Ministério Publico tem tantas provas  contra ela, que
constituiu sobre ela um dossiê irreversível. Ha mais de 1 ano fizeram
acusações sobre lavagem de dinheiro, sonegação, evasão.
 
Claudia Cruz confessou gastos no exterior, diretamente fornecidos pelo
marido. E todo esse dinheiro era ilegítimo, e ela sabia. Os advogados
apresentaram as razões finais, pedindo  absolvição. Moro pode decidir
a qualquer momento. Quem acredita que decidirá pela absolvição.
Rodrigo Maia
 
Foi subserviente a Eduardo Cunha, agora tenta imitá-lo como presidente
da Câmara. Ontem declarou com visível arrogância: "Ainda não decidi
quando colocarei em pauta, a votação das reformas da Previdência e a
Trabalhista". Está mistificando. Espera ordens do Planalto. Motivo:
Temer tem recebido noticias ruins sobre as votações. A Previdência
pode passar, com os 308 votos. Mas a Trabalhista, que precisa de mais,
hoje seria derrotada.
 
Ainda Temer - Maia
 
Já revelei que o presidente indireto, comunicou ao presidente da
Câmara (seu substituto imediato)que fará  viagem longa á Rússia. Mas no
fim de semana, completou: "Só irei depois das votações das reformas".
Irritação velada de Maia, votação, só depois de maio.
 
Petrobras
 
O presidente da empresa afirmou ontem: "Pagaremos dividendos, se  a
empresa fechar 2017 com lucro". Como acumula a presidência  da
empresa, com o conselho de Administração da Bovespa,satisfação dos
dois lados. Mas precisa confirmar, ou haverá decepção dupla.


Nenhum comentário:

Postar um comentário