Editoria: Helio Fernandes. Subeditoria: Roberto Monteiro Pinho

terça-feira, 6 de junho de 2017

O ENCURRALADO MICHEL TEMER

HELIO FERNANDES

A terça feira cinzenta amanheceu ainda mais turva, parda, escura.  Cheia de incertezas assustadoras, com possibilidades de jogadas escusas da parte de ministros sem toga e sem constrangimento. Já se passaram 27 meses e 14 dias, e ainda preparam manobras vergonhosas para que Temer escape da forca.

Inicialmente a pergunta obrigatória: por que começar a sessão ás 7 horas da noite? E o dia todo, farão o quê? O que não fizeram nesses mais  de 2 anos? Nenhum absurdo acreditar que tudo foi  premeditado, preparado, combinado.  O que se fala nos bastidores tem tudo para se transformar em realidade vergonhosa, a partir da abertura dos trabalhos.

E a opinião publica estarrecida com tanta humilhação, desprezada, abandonada. Esperemos. A partir do momento em que  escrevo, faltam 9 horas para começar o  que já deveria ter sido julgado, no mínimo ha 1 anos.

As 84 PERGUNTAS ASSUSTADORAS

Desde ante ontem, estão em poder do ainda presidente. È um premio que a generosidade do Ministro Fachin, proporcionou a Temer. Ele não merecia. Todas as perguntas exclusivamente relacionadas com o calamitoso encontro de Temer com Joesley Batista. Ou seja: o encontro do presidente da Republica com um dos maiores empresários - criminosos – corruptos - corruptores.

Temer teria que receber todas as desculpas dos mais altos juízes, bastaria que provasse com esta afirmação - explicação: "Aquela gravação é falsa, não sou eu". E completasse com os documentos irrefutáveis "Naquela madrugada eu estava viajando, o avião presidencial ficou me esperando, 48 horas. Quando voltei tomei conhecimento da criminosa acusação"

 Nada disso, CONFESSOU tudo, alegou que o gravador estava com defeito. E agora, depois de receber as perguntas, cogita de não respondê-las.E os conselheiros aconselham: "Demore o mais que puder, nossa estratégia, diante de tantas acusações,é ganhar tempo". Desde a explosão do escândalo, já ganhou uma prorrogação de 20 dias. Que deve agradecer ao ministro sem toga.
.
AS DUNAS DE NATAL

3 anos depois da Copa do Mundo, ainda são feitas prisões por conta do superfaturamento nos estádios. O atingido agora: Henrique Eduardo Alves. Ministro de Temer, cassado, teve que ser demitido. Foi presidente da Câmara, deputado de 11 mandatos, o que prova a falsidade da eleição, seja para que cargo for.

Na primeira manifestação gigantesca em Brasília, em frente ao Congresso, a multidão retumbava: "Vocês não nos representam". Não era acusação e sim constatação. O senador presidente do DEM, também foi citado no escândalo das dunas. Não esquecer: o DEM, era o PFL da ditadura. Envergonhado, mudou de nome.

O presidente da Câmara, que pretende ser presidente em eleição indireta, pertence a esse DEM-PFL.

A IMPORTANCIA DO CNJ. (Conselho Nacional de Justiça)

Foi criado para fiscalizar a Justiça. Por isso, e para ter mais autoridade, é presidido pelo presidente do Supremo. Perdeu tempo e oportunidade, principalmente nesse extravagante, exótico e esdrúxulo julgamento da chapa Dilma -Temer.

Durante 17 meses e 14 dias, o CNJ silenciou sobre o que acontecia no TSE. E silenciando, se acumpliciou e se responsabilizou pelo atentado á Justiça que o TSE praticava. Durante esses 27 meses e 14 dias, presidido por 2 Ministros do Supremo, Toffoli e Gílmar.

O CNJ pode se reabilitar, finalmente cumprir o seu dever. È publico e notório que uma das estratégias (?) da defesa, é um dos Ministros pedir VISTA. E vergonhosa e antecipadamente, o presidente do TSE, já declarou na televisão: "VISTA é um recurso natural". Isso depois de um processo que se arrasta a quase 2 anos e meio.

O CNJ tem que ficar atento. Se na terça cinzenta ou durante a semana, algum ministro pedir a famigerada VISTA, imediatamente retira-lo do processo e dar continuidade ao julgamento. Sempre existe espaço, para a glorificação da reabilitação.

JBS "PAGANDO" O PREÇO

A corrupção e a confissão feita na delação, "pagando propina a 1829 pessoas, incluindo 377 parlamentares, só comprometeu 5 por cento do nosso patrimônio" ,vem sendo desmentida pelos fatos. Acabaram de anunciar: venderam suas empresas no Paraguai, Argentina e Uruguai.

Receberam 300 milhões de dólares, exatamente 1 bilhão de reais.Parece  um bom negocio, dá para quitar dividas urgentes. Mas perdem 3 mercados importantes.Ou são empresários que vivem  dos negócios da produção e venda. Ou fazem a opção dos Batista: roubalheira, bandalheira, corrupção e propina.

PSDB-TEMER

Extra oficialmente informam que na quinta feira podem anunciar: não apóiam mais o governo. Nos bastidores falam muito no assunto. Só que o partido está tão esfacelado e sem comando que não existe com quem conversar.

Nem jornalisticamente para obter noticia. Nem politicamente, tanto que Temer teve que ir a SP,perguntar ao governador Alckmin se era verdade.Ele  também não sabia.O PSDB caiu tanto, que é presidido pelo senador Corruptassso. Interinamente. 

TRUMP

Acabou de dar entrevista exclusiva ao Canal Bloomberg. Atacou desabridamente o ex-presidente Obama. Disse textualmente, "o Obamacare é uma catástrofe". Apesar disso, foi divertidíssimo. Respondeu a perguntas de 9 repórteres, não sei quem ria mais.

A CASSAÇÃO DE TEMER

Depois de quase 2 anos e meio, começou na hora. E coloquei apenas Temer, porque Dilma está inteiramente fora do jogo. O que acontecer a ela, puramente pessoal, lamentando ou não. Já o futuro de Temer e a sua presença ou continuação no governo, questão nacional. Dilma já perdeu o mandato. Qualquer que seja a convicção do cidadão, ela errou ou não errou,cometeu equivoco, mas em matéria de culpa, está muito distante de Temer.

Não tenho o menor interesse em tentar defender alguém. Mas na comparação, a situação de Temer é indefensável. Um só exemplo, obstáculo intransponível para uma possível absolvição de Temer: Dilma jamais recebeu bandidos, de madrugada, nos mesmos porões palacianos. Isso nem foi aventado para ela, e fato espantoso, já confessado por ele. Podem dizer: nada a ver com o TSE. Fácil concordância do repórter.

20 horas – Primeira informação importante do brilhante relator: "A comunidade, nós ministros e juízes, os jornalistas, terão acesso ao meu relatório e ao meu voto, sem nenhuma restrição".

Outra revelação: "O Ministério publico foi favorável á cassação da chapa, e a perda dos direitos políticos da ex-presidente por 8 anos". Mas em relação, ao vice, nenhum fim, por enquanto. O que prenuncia alguma coisa mais grave. 

(Não sei até que horas vai a sessão, nem até que  horas ficarei acordado. Mas mandarei, registrando a hora, o que julgar interessante).

21 HORAS

Falou o advogado do PSDB. Mas com todo o respeito ao doutor Eduardo Alckmin, gostaria de saber quem ele representava. O PSDB que entrou com a ação que está estarrecendo minutos do a comunidade a quase 2 anos e meio. Ou o PSDB, sustentáculo político do governo Temer, e que por tanto, quer a sua absolvição. 

 Nesse estraçalhado mundo da politicalha e não da política, o PSDB precisa de um mágico e não de um advogado. Tendo pleno conhecimento da  contradição, o PSDB levou outro advogado, o doutor Costa Pereira, que começou a falar em seguida.

A causa não é boa, e em 7 minutos, impossível convencer alguém, nem quis prorrogação

Não queriam perder tempo, começou logo a falar o doutor Flavio Caetano, advogado de Dona Dilma. Os outros dois, leram. Ele falou de improviso, alterou a voz, gesticulou, acusou o casal Santana, que contou, segundo ele fatos, que "não existiram". Foi o que esteve mais perto do que seja um advogado. Tanto isso é verdade, que contestou a própria defesa de Temer que quer contrariar uma jurisprudência clássica, tentando separar as candidaturas do vice e do presidente.

(Em toda a historia da Republica, só em 1960, o cidadão votou separadamente, no presidente e no vice. Não vou escrever agora. algum dia o farei). 

Alem dos advogados do PSDB, Temer contratou 2 para o TSE: Marcus Coelho e Gustavo Guedes. (Alem de  Antonio Claudio Mariz, que o defende criminalmente). Advogados não podem fazer milagres, o que seria necessário ou indispensável, na defesa de Temer. 

A BRILHANTE ACUSAÇÃO PUBLICA

O sub-Procurador Geral, Nicolau Dino, utilizou 17 minutos, e aproveitou todo o tempo para apresentar um magistral libelo. Arrasador. Destruidor. Indefensável. Tanto para Dilma quanto para Temer.

(Dino é candidato a substituir Janot, em setembro. Temer já disse que não o nomearia de modo algum, mesmo que ele seja indicado em primeiro lugar na lista. Duas explicações. 1-Temer age sempre por vingança. 2-Em setembro ele não estará em condições de vetar alguém. E isso não depende do resultado do julgamento, que entrará pela madrugada, e fulminará a chapa. Com consequencias mais graves, para o ainda presidente. Nicolau Dino e o relator, Herman Benjamin,dos  que usaram da palavra, foram os mais exuberantes e  fulgurantes. Prazer e satisfação em ouvi-los).

Infelizmente, 10 horas, impossível saber quanto tempo, ainda continuarão. Alem do mais, esta sessão, não é definitiva. Falta muita coisa, e já ficou estabelecido, que serão 4 sessões. Algum gozador da Internet. já constatou: "3 sessões com data marcada. E a quarta para prorrogar indefinidamente".

Com isso e convencido  que o resultado já está mais do que visível, 22 horas. O fim dos trabalhos desta terça feira cinzenta. E o destino da chapa mais do que irrevogável e irrefutável.

PS- Agora, de forma brilhante, mas não necessariamente processual, Herman Benjamin continuará encantador, no que a palavra tem de mais abrangente, e rigorosamente dentro da realidade.


2 comentários: