Editoria: Helio Fernandes. Subeditoria: Roberto Monteiro Pinho

terça-feira, 4 de abril de 2017

O TSE CONFIRMA O REPÓRTER: NÃO HAVERÁ JULGAMENTO ESTE ANO

HELIO FERNANDES

O que deveria ser a maior e mais importante decisão eleitoral da nossa Historia, se transformou numa farsa colossal. Ontem quando o TSE se reunia coletivamente para examinar o assunto, ficou constatado o absurdo dessa tramitação, que já ultrapassou 2 anos

Sou o único repórter que venho "cobrindo" o assunto desde o inicio, e constatando nada surpreendido, a tramóia montada contra o Direito. E o desprezo pela comunidade. E fui deixando bem claro, que o TSE queria tudo, menos julgamento ou decisão. Quem acompanhou este repórter, não foi enganado, sabia que aconteceria o que está acontecendo. E que coloquei no titulo da matéria.

Nesses 2 anos acompanhei tudo, minuciosamente, e transmitindo rigorosamente para os leitores e seguidores. E conhecendo como conheço o panorama político, econômico, administrativo e judiciário do país, não podia admitir grandeza num TSE presidido por Toffoli e Gilmar Mendes.

O primeiro, era o presidente quando Aécio e o PSDB entraram com o pedido de cassação. Foi ganhando tempo e aí indicou como relatora a Ministra Maria Thereza Moura, que ele sabia, como quase todo mundo, era contra a cassação. Não por Temer. E sim por Dona Dilma de quem é muito amiga. 

Toffoli deliberadamente desperdiçou tempo até maio de 2016, quando Gilmar Mendes assumiu a presidência. Avaliando ou analisando o passado ou o presente dos dois, não houve substituição, e sim, fim e começo de outro mandato. Como presidente, Gilmar agiu sempre como agia.

Sua única disposição: livrar temer da cassação. E isso, abertamente, por várias vezes foi conversar com temer no Planalto e eu sempre noticiava com o título: "O juiz visitando o réu". E comentava: os dois nessa condição, o que poderiam conversar, a não ser o processo?

Para agravar a situação e estarrecer a opinião pública, quando Temer foi a Portugal para o velório do notável Presidente Mario Soares, simplesmente Gilmar pegou uma carona no avião presidencial. Motivo: como ele tem uma filha que mora na Alemanha, e precisava visitá-la, para ele, nada mais corriqueiro, de ir no avião do réu.

GILMAR CONTINUA PROTEGENDO MICHEL TEMER

Na seção de ontem, como já estava tudo combinado, o presidente do TSE, não teve a menor participação. Ele apenas dava a palavra aos diversos ministros. Ele está seguro, e eu faço esta constatação no titulo: Temer não será julgado este ano. Esta é uma constatação que já venho repetindo.

E não preciso nem arriscar. Se eu quisesse tentar adivinhar, poderia dizer ou acrescentar: não haverá julgamento neste ano de 2017 nem no próximo, 2018, o último do presidente Temer. Perdão pela palavra ÚLTIMO, pois nos planos do próprio Temer, a palavra reeleição, está longe de ser um desperdicio, está bem perto das suas ambições. 

 FHC: cínico e hipócrita

O ex-presidente não podia ficar longe dos holofotes, principalmente quando eles iluminavam tanta gente. E assim que começou a sessão de ontem do TSE, entrou desavergonhadamente no palco. Com duas afirmações, totalmente "fernandocardosistas".

1- "Meu Deus, o  que será do Brasil, se cassarem o presidente Temer". Esqueceu que essa ação foi impetrada pelo seu PSDB, e Aécio Neves consultou-o antes.2- Temer nunca foi presidente, chegou ao poder depois de uma conspiração parlamentar comandada por ele e Eduardo Cunha. Este está preso e condenado a 15 anos. Enquanto Temer conspira com o presidente do TSE, para se manter no poder.

O BRADESCO ENQUADRADO

Mais ou menos a 1 ano, foi "flagrado" na operação Zellotes. Começou a se movimentar para apagar o que houve. Acreditaram que tinham contornado a situação. Mas ontem foram oficialmente intimados, precisam se defender. Não sabem como, o fato teve grande repercussão interna.

O presidente Trabuco, que tinha grande prestigio, foi até convidado para Ministro da Fazenda de Dona Dilma. Na Zellotes sua situação ficou tão insustentável, que foi retirado do cargo, jogado no arquivo. Agora pode piorar.

Ilan - Meirelles

O presidente do Banco Central afirmou ontem: "O juro real em 5% está em processo de convergência". Falta entendimento e confiança.

O falastrão Ministro da Fazenda, não podia ficar silencioso, afirmou e alertou: "Já temos clara tendência de crescimento". Falta entendimento e confiança. 

PS- Afinal, quando é que Jonas Lopes será preso? Na lava-Jato, todos os delatores foram beneficiados, mas pagaram em preço alto, antes. E fizeram as delações presos.

PS2- O conselheiro do TCE, apanhado em flagrante,não discutiu, entregou os companheiros de 20 anos de convivência. E não vai devolver o que roubou ?

PS3- Justíssimo o Habeas Corpus que libertou Edinho, filho do Pelé. Ele não cometeu crime algum. Soltaram o goleiro do Flamengo, assassino covarde, e mantinham preso, um "usuário" eventual de drogas .


Nenhum comentário:

Postar um comentário