Editoria: Helio Fernandes. Subeditoria: Roberto Monteiro Pinho

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

A REFORMA DA POLÍTICA, VITÓRIA DA POLITICALHA

HELIO FERNANDES

Sob o comando do PMDB, o partido mais envolvido e denunciado na Lava-Jato, tentam implantar uma nova realidade eleitoral. Desabrida e desvairadamente tramada para favorecer o continuísmo, a eternidade, a permanência dos atuais representantes, que só representam os seus próprios interesses pessoais.

Enquanto o país clama por renovação, os parlamentares se encaminham para a reeleição. E aperfeiçoam seus cobiçados favoritismos, impondo novas formas, pelas quais se garantem, sem eleição. São "eleitos" longe do povo, permanecem através das famigeradas listas, pelas quais se garantem nos gabinetes. Enquanto o cidadão que paga tudo, ainda tem a obrigação de ir referendar a farsa, na qual transformam o sistema eleitoral.

Alem das listas, ainda querem impor o vergonhoso e falsificado "distritão misto", quem vence no distrito, fica com a vaga, os votos de todos os outros candidatos são voluptuosamente jogados no lixo, os lideres (?) partidários ficam com o luxo de se considerarem vitoriosos.

E para não fugir á rotina e ao prazer de desafiar o contribuinte, criam uma nova espécie de Fundo Partidário, com o total de quase 4 bilhões, lógico, vindo do cidadão, O que não invalida o Caixa 2, realidade espúria, sempre justificada pelos candidatos e partidos: "Declaramos tudo ao tribunal eleitoral, que aprovou".

TODO PODER À REELEIÇÂO

Insuflado pelo próprio PMDB abertamente e por Michel Temer não ostensivamente, querem manter a reeleição presidencial.

 (Isso faz parte do projeto Temer, já revelado e denunciado por mim. Temer se diz garantido até 2018, e se lançaria por mais 4 anos. Com isso, fugiria de ser julgado na primeira instancia. Para lembrar, falei que seria o primeiro presidente a ficar no poder com mais de 80 anos).

Para a permanência de alguém no Poder maior, o ideal seria um mandato de 5 anos, sem reeleição. A catástrofe que desabou sobre o país, vem em linha direta, da reeleição de FHC, comprada e paga á vista com dinheiro dos riquíssimos empresários, maravilhosamente recompensados.Sem a permanência de FHC nesse mandato premeditado e prorrogado, haveria a tão democrática alternância no Poder. E a impossível formação de sistemas ditatoriais de 8 anos, verdadeiras castas negativas.

A RESISTENCIA, QUE PODE REPRESENTAR A SALVAÇÃO

Está mais forte do que se imaginava. No primeiro teste, na comissão, nesta madrugada, aprovaram  algumas barbaridades, mas o máximo que conseguiram foi um sofrido 17 a 15, que não significa vitoria. Principalmente diante da revolta da grande maioria, que formará o PLENARIO que decidirá.

Felizmente, vários partidos e parlamentares, num grupo que atinge 142 votos, já se manifestaram contra algumas dessas impropriedades. Esse número tende a crescer, garantindo desde já a vitoria contra algumas dessas excrescências. Irei acompanhando e combatendo os privilégios e favorecimentos.

Os que precisam aprovar o que chamam de "reforma política", têm pressa, querem que comece já da eleição de 2018, se é que chegaremos lá. Para isso, precisam aprovar tudo até setembro. Precisarão de muitas madrugadas indormidas, para tantas agressões á democracia e á coletividade.

 O povo precisa ir para as ruas. São os seus direitos e o se futuro, que pretendem destruir

TEMER-GILMAR-MOREIRA FRANCO
                 
Na segunda feira, o PGR publicou que a nova denuncia contra o presidente, não seria por corrupção. E sim por obstrução da justiça. Lógico, todos publicaram.

Na mesma noite, bem tarde e fora da agenda, como é do seu habito gosto e satisfação, Temer teve encontro com o ministro sem toga. Todos publicaram.

Assim que Gilmar saiu, Temer chamou Moreira Franco, que chegou quase á meia noite. Só eu publiquei, pois conheço meus personagens, e sei que Moreira redige tudo para Temer. Mas na duvida deixei a interrogação:o que é preciso redigir depois da conversa do AINDA presidente com o ministro que vem cuidando da sua salvação ha 15 meses?

No dia seguinte, Moreira entregou a Temer o que Gilmar recomendara. Entrar com ação no Supremo, argüindo a parcialidade de Janot e pedindo o seu afastamento do processo. Justificativa do conselheiro ministro, que vai julgar o pedido que ele mesmo recomendou: "Janot não tem imparcialidade, é suspeito para julgar Temer, deve ser afastado".

Todos publicaram, omitiram o nome de Gilmar porque quiseram. Que sabiam, sabiam. Mas ele tem uma cobertura total, principalmente das televisões. Se publicassem, teriam que registrar que Gilmar, pelo passado e pelo presente, é S U S PE I T I S S I M O.

O Supremo está obrigado a recusar o pedido de Temer, portanto ele perdeu tempo. A saída para Temer - Gilmar é esperar até 17 de setembro, quando acaba o mandato de Janot. 40 dias de angustia para Temer, de frustração para Gilmar.

ORÇAMENTO DO SUPREMO

O mais alto tribunal do país apresentou á Câmara, seu total de gastos, como manda a Constituição. Surpreendente mas elogiosamente, recusou aumentar seus salários. O país espera que o Ministério Publico, desista da reivindicação de mais 16 por cento nos seus salários.

33 mil reais mensais, fora os adendos, parecem bem razoáveis e financeiramente agradáveis, e proporcionam um bom nível de vida, superior a 99% da população. (O salário mínimo, aumentado em 42 reais. De 937 para 979).

È preciso que todos compreendam, começando pelo MP, que é imprescindível e indispensável, o corte de gastos. Que o farsante ministro da Fazenda, nem leva em consideração.

A CORÉIA DO NORTE DÁ UMA SEMANA PARA ATACAR A MAIOR BASE DOS EUA NO ORIENTE

O ditador comunista, Kim Jong-un quer demonstrar que não está brincando, sua realidade de loucura devastadora, é incontestável e incontrastável. Programou e anunciou ao mundo: "Dentro de uma semana atingirei Guam, com 4 mísseis”.

Guam é a segunda maior base militar dos EUA. Fica no Oriente, é propriedade americana desde 1898. 110 anos depois da Republica e da posse do primeiro presidente (Washington), foi combater no exterior. A Espanha invadiu Cuba, saíram em defesa da ilha. Ganharam, ficaram com a posse de Cuba, construíram a formidável fortaleza de Guantánamo, que depois serviria a objetivos ditatoriais.

Veio Fidel Castro em 1959, o mundo esteve pertíssimo de uma guerra nuclear em 1962. O que não aconteceu por mistérios nunca desvendados. Com a vitória sobre a Espanha, conquistaram as Filipinas e Guam. As Filipinas serviram na Segunda Guerra Mundial, grandes combates do general MacArthur.

Em Guantánamo, americanos montaram formidável base naval, com 4 mil militares. E mais ou menos 150 mil moradores, todos destroçados se o ditador cumprir o que anunciou. A China, única ligação do ditador com o mundo, poderia ter participação importante.

Mas de forma surpreendente, se mantém silenciosa, talvez impedida pela declaração do ditador Kin Jong: "Nosso arsenal nuclear não admite negociação". O silencio da China em relação á Coréia do Norte pode significar o silencio do mundo, e da própria China. O assombroso, tenebroso e criminoso silencio nuclear.

TEMER: CORRUPTO E CRIADOR DE CASO

Corruptissimo seria o mais aplicável e compreensível. Mas arrogante que seja julga onipotente, quer intervir em tudo. Até na tradição. Está preocupadíssimo com a transmissão do cargo do PGR, dia 17 de setembro. Sempre aconteceu na própria PGR, tem edifício imponente. Temer quer modificar e mudar o local.

Quer que seja no Planalto. Motivo: na PGR, Janot seria o anfitrião, não suporta. No Planalto, o dono da festa seria ele, os convidados, escolhidos por ele, o objetivo seria provocar constrangimento para Janot.

Como todos publicaram, chamou a futura PGR, para um encontro fora de hora e da agenda. E pediu a ela, para transferir a solenidade para o Planalto. Aí, a constrangida foi ela, mas ele só liga para seus interesses. Ela não respondeu, não tinha e não tem o que dizer.

Seria simples. Temer não comparecer. A culpa de estar sendo denunciado e com o pedido de investigação por corrupção é do próprio Temer e não do juiz. Este poderia ser qualquer um, por acaso é Janot. Em matéria de crimes de quadrilha, Temer é insubstituível.

ATIVIDADES IRREGULARES DO MINISTRO GILMAR MENDES

Era Advogado Geral da União, só mesmo FHC para levá-lo e elevá-lo ao Supremo. Gilmar deveria saber que ministro só pode exercer outra atividade: professor de Universidade Publica. Alguns cumprem a determinação constitucional.

Gilmar fundou um Instituto de Direito, altamente lucrativo. Alguém devia tomar providencia para acabar essa imoralidade indignidade, afinal, não estou inventando a pólvora. Tinha um sócio, Procurador da Republica aposentado.

Ha 2 anos, romperam, o sócio saiu. Com 8 milhões de indenização. Imaginem os lucros desse Instituto.

PS – Sobre a ABI: “Quem te viu, quem te vê”. Melancólico, tenebroso, desastrosa a administração do medíocre apresentador da Record, um presidente que se perpétua na Associação Brasileira de Imprensa (ABI), Domingos Meireles. Segundo rumores, o preclaro senhor pode estar atirando o patrimônio da instituição no colo da emissora que trabalha e como bonificação a Igreja Universal, do bispo Macedo.  

PS1- São fortes os rumores de que existe um plano para entregar o valioso prédio sede da entidade no Centro do Rio de Janeiro.

PS2- Sem competência para administrar, o presidente Meireles, montou uma malta e um grupo de almas perdidas, para controlar 200 associados, dos quais a metade está inadimplente.

PS3- Dito isso, lembro no tempo em que o idealista Barbosa Lima Sobrinho liderou a casa, o numero de associados era de quase 10 mil. O saudoso presidente Mauricio Azedo, com seu jeito sereno e patriota, soube segurar a ABI, até a chegada desse cidadão invasor, que pressionou o presidente de tal forma, a ponto do mesmo convalescer e vir falecer.

PS4- Daí em diante, infelizmente o entreguista e devastador da ABI, de forma fria e cruel enterra se patrimônio material, mas não poderá jamais sepultar sua brava história de libertação do povo brasileiro.




Nenhum comentário:

Postar um comentário